Colheita de flores

Colheita de flores

domingo, 4 de outubro de 2009

DITADO DO TALMUD

"Cuida-te quando fazes chorar uma mulher, pois Deus conta as suas lágrimas. A mulher foi feita da costela do homem, não dos pés para ser pisada, nem da cabeça para ser superior, mas sim do lado para ser igual, debaixo do braço para ser protegida e do lado do coração para ser Amada." O Talmud é um livro onde tem o depoimento de todos os rabinos, ditados e frases proferidos através dos tempos.

ETERNIDADE

"Você ficará com você pela eternidade ame-se aprove-se valorize-se Valorizar-se é dar importância ao que você sente. De agora em diante eu posso me amar, me aceitar. Crescer é um trabalho interior que leva tempo. Tenha paciência com você mesmo. Lembre-se, que Deus ou a vida só poderá dar a você, o que você der. Você está inteiramente em suas mãos. Você é a vida É Deus! Cresça e sua vida crescerá,
Você é seu melhor amigo ou inimigo Dê-se a confiança e o crédito, Não espere você mudar, ou algo milagroso acontecer, para você se gostar. Goste-se como você é. Pare de se desconsiderar. Olhe-se com aprovação, Agora eu vou parar. Mas você pode continuar Visualizando-se com amor, Assim estaremos em essência sempre juntos.
(Luiz Gasparetto)

sábado, 3 de outubro de 2009

FORÇA INTERIOR

"Tenha sempre presente que a pele se enruga, que o cabelo se torna branco, que os dias se convertem em anos, mas o mais importante não muda! Tua força interior e tuas convicções não tem idade"
(Madre Tereza de Calcutá)

Amizade

"As palavras de amizade e conforto podem ser curtas e sucintas, mas o seu eco é infindável".
(Madre Tereza de Calcutá)

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

PRECE DE GRATIDÃO

PRECE DE GRATIDÃO - Psicografia de Divaldo P.Franco - 21/11/1962 pelo espirito de Amélia Rodrigues- Buenos Aires - argentina Muito obrigada Senhor, pelo que me deste, pelo que me dás! Muito obrigada pelo pão, pelo ar, pela paz! Muito obrigada pela beleza que meus olhos vêem no altar da natureza! Olhos que fitam o ar, a terra e o mar. Que acompanha a ave fagueira que corre ligeira pelo céu de anil e se detém na terra verde, salpicadas de flores em tonalidades mil! Muito obrigada Senhor, porque eu posso ver o meu amor! Diante da minha visão, pelos cegos formulo uma oração. Eu sei que depois dessa lida, na outra vida, eles tambem enxergarão! Obrigada pelos ouvidos meus que me foram dados por Deus. Ouvidos que ouvem o tamborilar da chuva no telheiro, a melodia do vento nos ramos do salgueiro, as lágrimas que choram o mundo inteiro. Diante de minha capacidade de ouvir, pelos surdos eu te quero pedir, eu sei que depois desta dor, no Teu Reino de Amor, êles também ouvirão! Muito obrigada Senhor pela minha voz! Mas também pela voz que canta, que ensina, que alfabetiza, que canta uma canção e teu nome profere com sentida emoção! Diante da minha melodia quero rogar pelos que sofrem de afazia, pelos que não falam de dia. Eu sei que depois desta dor no Teu Reino de Amor, eles também falarão! Muito obrigada Senhor pelas minhas mãos! Mas também pelas mãos que oram que semeiam, que agasalham. Mãos de Amor de Caridade, de Solidariedade. Mãos que apertam mãos, mãos de poesia, de cirurgia, de sinfonia, de psicografia...... Mãos que acalentam a velhice, a dor e o desamor! Mãos que acolhem ao seio o corpo de um filho alheio, sem receio. Pelos meus pés, que me levam a andar sem reclamar. Muito Obrigada Senhor, porque posso bailar! Olho para a Terra e vejo amputados, marcados, desesperados, paralisados...... Eu posso andar!!! Oro por êles! Eu sei que depois dessa expiação, na outra reencarnação êles também bailarão. Muito obrigada Senhor pelo meu Lar! É tão maravilhoso ter um lar.... Não importa se este lar é uma mansão, um bangalô, seja lá o que for! O importante é que dentro dele exista AMOR! O Amor de pai, de mãe, de marido e esposa, de filho de irmão..... De alguem que lhe estenda a mão, mesmo que seja o amor de um cão, poisé tão triste viver na solidão! Mas senão tivér ninguem para amar, um teto para me acolher, uma cama para me deitar..... mesmo assim, não reclamarei, nem blasfemarei! Simplesmente direi: Obrigada Senhor porque nasci! Obrigada Senhor porque creio em tí! Pelo teu amor, obrigada SENHOR!