Colheita de flores

Colheita de flores

domingo, 8 de novembro de 2015

MINHAS ARTES

MINHAS ARTES:











HAVENDO INTERESSE: ENTREM EM CONTATO PELO EMAIL:  ninarosa2009@gmail.com

quarta-feira, 13 de maio de 2015

ENQUANTO VOCÊ DORMIA - Lady Foppa

ENQUANTO VOCÊ DORMIA
Enquanto você dormia, tentei descobrir a receita da felicidade para dar a você em doses homeopáticas para que ficasse dependente de mim... Esse é meu lado Egoísta! Enquanto você dormia, tentei negociar com Deus alguns anos de vida em troca de um par de asas que me permitisse alçar vôo até você... Esse é meu lado Sonhador! Enquanto você dormia, aprisionei o vento, silenciei os sons da noite e calei os seresteiros para que o silêncio embalasse seu sono: Esse é meu lado Anjo da Guarda! Enquanto você dormia, apaguei todas as estrelas, desliguei a lua, coloquei vaga-lumes atrás das montanhas E pedi às nuvens para embalar você. Esse é meu lado Magia! Enquanto você dormia, encomendei um amanhecer perfeito, pedi ao sol para despertar depois de você e iluminar os caminhos do seu dia... Esse é meu lado Fantasia! Enquanto você dormia, tentei me manter acordado para sentir o quanto te amo até concluir que melhor era dormir e encontrar você no sonho... Esse é meu lado Carente! Enquanto você dormia, eu tecia sonhos com os fios de lembranças de nós dois enquanto meus olhos relutavam entre o sono e o despertar... Esse é meu lado Saudade! Enquanto você dormia, pensei numa frase que traduzisse meu sentimento para que você lesse, enquanto eu dormia. Esse é meu lado Amor! ”Já disse hoje que te amo?”
Lady Foppa.

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

PINTURA ACRILICA ABSTRATA

Olha no teu jardim as rosas entreabertas e nunca as pétalas caídas...Observa em teu caminho a distância vencida e nunca o que ainda falta...Guarda do teu olhar os brilhos de alegria e nunca as névoas de tristezas...Retém da tua voz risadas e canções e nunca os teus gemidos...Conserva em teus ouvidos as palavras de amor e nunca as de ódio...Grava em tua pupila o nascer das auroras e nunca os teus poentes...Conserva no teu rosto as linhas do sorriso e nunca os sulcos do teu pranto...Conta aos homens o azul das tuas primaveras e nunca as tempestades do verão...Guarda da tua face apenas as carícias, esquece as bofetadas...Conserva de teus pés os passos retos e puros, esquece os transviados...Guarda de tuas mãos as flores que ofertaram, esquece os espinhos que ficaram... De teus lábios conserva as mensagens bondosas, esquece as maldições...Relembra com prazer as tuas escaladas, esquece o prazer fútil das descidas...Relembra os dias em que foste água limpa, esquece as horas em que foste brejo...Conta e mostra as medalhas das tuas vitórias, esquece as cicatrizes das derrotas...Olha de frente o Sol que existe em tua vida, esquece a sombra que fica atrás...A flor que desabrocha é bem mais importante do que mil pétalas caídas; E só um olhar de amor pode levar consigo calor para aquecer muitos invernos...A bondade é mais forte em nós e dura muito mais do que o mal que nós mesmos praticamos...Sê otimista e não te esqueças de que é no fundo das noites sem luar que brilham muito mais as estrelas!
Pe.Heber Salvador de Lima

terça-feira, 17 de fevereiro de 2015

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

Cora Coralina - Pintura: Natureza Morta 356

Não te deixes destruir…
Ajuntando novas pedras
e construindo novos poemas.
Recria tua vida, sempre, sempre.
Remove pedras e planta roseiras e faz doces. Recomeça.
Faz de tua vida mesquinha
um poema.
E viverás no coração dos jovens
e na memória das gerações que hão de vir.
Esta fonte é para uso de todos os sedentos.
Toma a tua parte.
Vem a estas páginas
e não entraves seu uso
aos que têm sede.
(Cora Coralina)