Colheita de flores

Colheita de flores

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

TARSILA DO AMARAL

Tarsila do Amaral Nasceu em 01/09/1886 em São Paulo na fazenda São Bernardo, municipio de Capivari. Seu primeiro quadro "Sagrado Coração de Jesus", foi pintado em Barcelona-ES aos 16 anos. Casou-se em 1906 e teve uma filha Dulce. Em 1916 estudou escultura com Zadig eMantovani em São Paulo. Estudou desenho e pintura com Pedro Alexandrino. Em 1920 vai para a Europa e ingressa na Académie Julian em Paris. Frequenta o ateliê de Emile Renard. Em1922 tem uma tela sua admitida no Salão oficial dos artistas Franceses. Nesse mesmo ano regressa ao Brasil e se integra aos intelectuais do grupo modernista. Faz parte do grupo dos cinco juntamente com Anita Malfatti, Oswald de Andrade, Mario de Andrade e Menotti del Picchia. Integrou-se ao modernismo que surgia no Brasil. Em 1923 volta a Europa estuda com Albert Gleizes e Fernand Léger, grandes mestres cubistas Em 1924 inicia a pintura "Pau Brasil", dotada de cores e temas brasileiros. Em 1926 expõe em Paris, obtendo grande sucesso. Casa-se no mesmo ano com Oswald de Andrade Em 1928 pinta o Abaporu para dar de presente a Oswald, que se empolga com a tela e cria o Movimento Antropofágico. Em 1929 expõe pela primeira vez no Brasil.Em 1933 pinta o quadro Operários e dá inicio 'a pintura social no país. De 1936 a 1952 trabalha como colunista nos Diários Associados. Nos anos 50 volta ao tema "Pau Brasil, em 1951 participa da I Bienal de São Paulo e nos anos seguintes tem participação especial na XXXII Bienal de Veneza. Faleceu em São Paulo no dia 17 de janeiro de 1973. Informações retiradas do site oficial www.tarsiladoamaral.com.br

DICAS PARA PINTURA EM TELA

Materiais básicos: Antes de iniciar a pintura, separe o material necessário. Tintas á óleo - nas cores que irá usar Pincéis de vários tamanhos secante de cobalto óleo e linhaça terebentina Solvente para limpeza dos pincéis 1 vidro para colocação do solvente 1 vasilha pequena para colocação do médium Um pedaço de pano macio paleta ( azulejo, madeira, cartão) carvão ou lápis 6b - para o desenho ( ou carbono para passar orisco) tela (no inicio de preferência a telas pequenas tipo 30x40cm) PREPARAÇÃO DO MÉDIUM O médium serve para deixar a tinta com maior fluidez, menor tempo de secagem e brilho. 1 colher de sopa de terebentina 1 colher de sopa de óleo de linhaça 5 gotas de secante de cobalto (deve ser usado em pequenas quantidades, pois altera o brilho e a fixação da tinta, e com o tempo pode craquelar a pintura). DESENHO: Dê preferência no inicio a flores, tipo copos de leite, margaridas etc. Desenhe com o carvão, não marcando muito, depois do desenho pronto bata na tela com um pano limpo, para retirar o excesso do carvão. Se você não tiver prática em desenhar passe o risco com carbono, de leve. PINTURA: Comece sempre pelo mais longe, na paisagem pelo céu, sempre o que fica atrás. numa tela de flores faça o fundo mesclando cores, tipo degradê, deixando as flores e as folhas por ultimo. Muito importante defina o lado da luz, que será mais clara, escurecendo o lado da sombra. Molhe o pincél no médium e depois na tinta, sempre pouca tinta no pincel. Sempre que necessário limpe o pincel no solvente e seque no pano. Não deixe pincéis dentro do solvente, pois estragam as cerdas e apodrecem os cabos que são de madeira. Hoje em dia há muitas revistas no mercado que trazem modelos e passo a passo, que facilitam muito ao iniciante, vale a pena comprar pois trazem muitas informações importantes. CURSOS: São muito importantes, pois, você é orientados por professores que apontam aonde temos que ser corrigidos,o que fica muito mais fácil o aprendizado. No inicio sempre comparamos o que pintamos com os outros alunos e achamos uma droga nossos trabalhos, mas com o passar do tempo , notamos progressos sempre maiores. Para quem deseja se aperfeiçoar e levar a sério a pintura, cursos são essenciais, e muita força de vontade, a prática diária é necessária. Temos que aprender a mistura de cores, pois é aí que está o diferencial das nossas pinturas, pois todo pintor aprende com o tempo esses macetes. DESENHO: É muito importante fazermos um curso de desenho,isso nos dá maior firmeza no traço e segurança na hora de pintar. "Como pintor torno-me mais lúcido com a natureza" Paul Cezanne

sábado, 1 de agosto de 2009