Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2012

MARIO QUINTANA

Imagem
  JAPONESA
Pintura a óleo - tela 50 x 70cm
                                                                   VENDIDA
"Quando eu for, um dia desses,
Poeira ou folha levada,
Serei um pouco do nada
ínvisivel, delicioso.

Que faz com que o teu ar
Pareça mais um olhar,
Suave mistério, amoroso,
Cidade do meu andar.
(Deste já tão longo andar!)

(Mário Quintana)



MARIO QUINTANA

Imagem
VENDIDA


OS POEMAS

Os poemas  são passáros que chegam
não se sabem de onde e pousam  
no livro que lês.
Quando fechas o livro, eles  alçam vôo
como de um alçapão.
Eles não tem pouso,
nem porto;
alimentando-se um instante
em cada par de mãos e partem .
E olhas , então, essas tuas mão vazias,
no maravilhado espanto de saberes
que o alimento deles, já estava em tí
  (Mario Quintana)