Postagens

Mostrando postagens de Outubro, 2009

DITADO DO TALMUD

"Cuida-te quando fazes chorar uma mulher, pois Deus conta as suas lágrimas. A mulher foi feita da costela do homem, não dos pés para ser pisada, nem da cabeça para ser superior, mas sim do lado para ser igual, debaixo do braço para ser protegida e do lado do coração para ser Amada." O Talmud é um livro onde tem o depoimento de todos os rabinos, ditados e frases proferidos através dos tempos.

ETERNIDADE

Imagem
"Você ficará com você pela eternidade ame-se aprove-se valorize-se Valorizar-se é dar importância ao que você sente. De agora em diante eu posso me amar, me aceitar. Crescer é um trabalho interior que leva tempo. Tenha paciência com você mesmo. Lembre-se, que Deus ou a vida só poderá dar a você, o que você der. Você está inteiramente em suas mãos. Você é a vida É Deus! Cresça e sua vida crescerá,
Você é seu melhor amigo ou inimigo Dê-se a confiança e o crédito, Não espere você mudar, ou algo milagroso acontecer, para você se gostar. Goste-se como você é. …

FORÇA INTERIOR

Imagem
"Tenha sempre presente que a pele se enruga, que o cabelo se torna branco, que os dias se convertem em anos, mas o mais importante não muda! Tua força interior e tuas convicções não tem idade" (Madre Tereza de Calcutá)

Amizade

Imagem
"As palavras de amizade e conforto podem ser curtas e sucintas, mas o seu eco é infindável". (Madre Tereza de Calcutá)

PRECE DE GRATIDÃO

PRECE DE GRATIDÃO - Psicografia de Divaldo P.Franco - 21/11/1962 pelo espirito de Amélia Rodrigues- Buenos Aires - argentina Muito obrigada Senhor, pelo que me deste, pelo que me dás! Muito obrigada pelo pão, pelo ar, pela paz! Muito obrigada pela beleza que meus olhos vêem no altar da natureza! Olhos que fitam o ar, a terra e o mar. Que acompanha a ave fagueira que corre ligeira pelo céu de anil e se detém na terra verde, salpicadas de flores em tonalidades mil! Muito obrigada Senhor, porque eu posso ver o meu amor! Diante da minha visão, pelos cegos formulo uma oração. Eu sei que depois dessa lida, na outra vida, eles tambem enxergarão! Obrigada pelos ouvidos meus que me foram dados por Deus. Ouvidos que ouvem o tamborilar da chuva no telheiro, a melodia do vento nos ramos do salgueiro, as lágrimas que choram o mundo inteiro. Diante de minha capacidade de ouvir, pelos surdos eu te quero pedir, eu sei que depois desta dor, no Teu Reino de Amor, êles também ouvirão! Muito obrigada S…