quinta-feira, 4 de março de 2010

Rabindranath Tagore

                                                  
IPE ROSA
"Se me é negado o amor, por que então, amanhece,
porque sussura o vento ao sul entre as folhas recem nascidas?
Se me é negado o amor, por que então,
A noite entristece com nostálgico silêncio as estrelas?
E por que este desatinado coração, continua.
Esperançado e louco, olhando o mar infinito?
( Rabindranath Tagore, escritor Indiano, Prêmio Nobel de literatura 1913)

PINTURA ACRILICA ABSTRATA

Olha no teu jardim as rosas entreabertas e nunca as pétalas caídas...Observa em teu caminho a distância vencida e nunca o que ainda fal...